Hoje vou postar algo que não tem nada a ver com casamento.
Trata-se de um acontecimento recente da minha vida pessoal...


Espero que entendam o significado

Dia 01 de Março resolvemos cruzar a Meg pela última vez por causa da minha vontade gigante de ficar com uma Fêmea
Dia 28/04 a Meg (minha cadelinha) que estava grávia teve que fazer uma cesárea.
Dois filhotes nasceram mortos e os outros dois foram pra casa (um macho e uma fêmea).
Ficamos tristes mas eu ainda podia ter minha feminha...
Dia 01 de Maio o machinho faleceu e dia 02 foi a vez da minha feminha...
Passamos pelos piores dias de nossas vidas, ficamos muito tristes e bem abalados...
Passei dias ouvindo chorinho de filhote e achando que estava ficando malukinha.
Chorava só de ver as mamadeiras e medicamentos espalhados pela casa... e o sonho de poder ficar com a minha feminha foi por água abaixo...
Dia 04 de Maio ligamos para vários criadores de West, pois eu estava determinada à ter minha filhote.
Cotamos vários preços e no sábado já iríamos visitar alguns canis para escolher a mais nova membro da família Gonçalves
Dia 05 de Maio às 4 da manhã a Meg ficou muito agitada e cavando o travesseiro, estava entrando em trabalho de parto, ai achamos que o cachorro tinha enlouquecido.
As 6 da manhã ligamos pro veterinário porque tinha algo errado com a Meg e ele nos disse que era hormonal...
As 6:20 da manhã voltei à escutar chorinhos de filhote e o Felipe disse que estava maluka, que eu estava abalada, que isso tudo ia passar...
Acendi a luz e lá estavam elas... A Meg e a minha feminha...
Inacreditável? Loucura? Insanidade? Impossível?
Como pode nascer um filhote de parto normal em uma cadela que fez cesárea 1 semana antes?
Depois de um tempo achei a resposta... Fé, esperança, intervenção divina...

Era pra ser minha

Hoje estou aceitando sugestões para o nome dela

Estamos na dúvida entre

Faith (Fé)
Pray (Prece / Reza)
Hope (Esperança)

Ajude a gente a escolher o nominho dela. Deixe sua sugestão comentando este post...

E pra quem ainda não acredita na história, vou deixar uma mensagem...
"Logo que descobri que existe Deus entendi que não podia mais fazer outra coisa a não ser viver por ele: minha vocação religiosa começa no exato momento em que despertou a minha fé." (Charles de Foucauld)

A fé é a força mais potente do universo

Um beijo grande

Liz



Meg 1 dia antes de fazer a cesárea


Meg com os 2 filhotinhos que morreram


A filhotinha que nasceu 1 semana depois da cesárea


This entry was posted on 01:40 and is filed under . You can follow any responses to this entry through the RSS 2.0 feed. You can leave a response, or trackback from your own site.

7 comentários:

    Michelle e Fabio disse...

    Oi Liz, que história triste... Tadinhos dos bichinhos. Eu tenho uma dó quando se trata de bichinhos.Imagino quanto a Meg sofreu, tadinha. Em relação a feminha nova, linda! Que benção, sem palavras. Ela está bem? Eu prefiro Hope.
    Bjos

  1. ... on 8 de maio de 2009 08:17  
  2. Fer disse...

    Caramba era p ser sua mesma essa femea...eu acho tudo de bom o nome Hope...vai combinar perfeitamente...

    bjussssss

  3. ... on 8 de maio de 2009 08:48  
  4. Fazendo Meu Casamento disse...

    Acredite sempre no milagre porque eles estão em nossa vida constantemente,a gente é que não presta atenção.
    Meu voto tb vai pra Hope!!

  5. ... on 8 de maio de 2009 12:26  
  6. Simone e Douglas disse...

    Liz,

    Adorei o nome Hope, é lindo. E parabéns pela filhota...

    Sobre o contador eu preciso do seu e-mail, pois não consigo colocar o código aqui no seu blog, me manda seu e-mail q eu te explico direitinho flôr.

    Estou aguardando tá!!

    bjos...

  7. ... on 8 de maio de 2009 13:55  
  8. Fernanda disse...

    Que história hein...
    Parabéns pelo novo membro da família Gonçalves... :) Hope é lindo!

    Beijos,

    Fer.

  9. ... on 13 de maio de 2009 19:08  
  10. Esperança disse...

    Cara amiga,

    Sou apaixonada por animais... Não contive as lágrimas ao ler a história de sua cachorrinha. Fiquei pensando muito a respeito e as lágrimas não paravam de cair. Por um lado achei incrível... O fato de vir para esse planeta mais um anjinho de Deus que será amado!!! Por outro lado achei terrível... Vou tentar me explicar! Como pode um veterinário fazer uma cirurgia dessas e não ver outro cachorrinho dentro da barrinha desse anjo? Porque ele ficou lá!!! Fiquei pensando o que esse bebezinho sofreu, já que ficou dentro da barrinha da mamãe por mais um tempo é a mamãe sentindo dores já que um permaneceu por lá. Quero que perdoe-me meu pensamento, mas tenho tantos amigos que possuem animais, já vimos tantas coisas que me preocupei. O que teria acontecido com essa mamãe se Deus não tivesse feito a natureza prevalecer em todo seu esplendor? Meu Deus... Ainda bem que essa história teve um feliz feliz. Fico muito contente com isso. Sobre o nome dela poderia ser VIDA (mas sei que cheguei tarde) pelo seu tamanho, por sua luta de viver e por trazer tanta felicidade para você.

    Um abraço fraterno de muita luz

  11. ... on 17 de setembro de 2011 23:05  
  12. Casamento no Campo disse...

    Oi meninas, obrigada pelos comentários.
    Já fazem 2 anos que a Faith nasceu, é a minha benção...
    Hoje ela comeu o cabo do meu laptop :D he he he
    Beijo e obrigada à todas.

  13. ... on 18 de setembro de 2011 16:37